MISHLEI

R.Ari Friedman – Shiur todas as quartas-feiras no Beit Chinuch para mulheres (Começou hoje)

Mishlei foi escrito por Shlomo Hamelec que foi se não o maior um dos grandes sábios da Torá.
Além de Mishlei, ele escreveu também Cohelet (Eclesiastes) e Shir Hashirim(Cântico dos cânticos). Nesse último é o único que ele não cita que foi autor. Porquê? A explicação é que por ser um cântico que é como uma música bem cantada não precisa saber quem é o cantor e sim importa a voz é a mesma coisa.
Shlomo Hamelech uma vez teve um sonho e Hashem falou para ele pedir alguma coisa e ele escolheu ter sabedoria. Hashem ficou tão orgulhoso que ao invés de pedir coisas materiais pediu sabedoria que deu a ele.
Mishlei é para estudar, entender Chochmá(sabedoria) e Mussar(ética).
O mundo laico diz que o homem nasce bom e a sociedade o corrompe. O judaísmo enxerga o contrário: nascemos com características ruins que vamos trabalhando como por exemplo, inveja,maldade, agressividade, raiva…
A prova disso está também na história de Caim e Hevel(Abel) que já eram adultos e um matou o outro.
Caim era proprietário de todas as terras do mundo e Hevel de todos os objetos do mundo. A briga começou porque Hevel queria um pedaço de terra de Caim que não queria dar. Então já que não queria dar, não deixaria Hevel usar a roupa dele que era um objeto e ele era dono. De tudo que existia no mundo queriam justo o que o outro estava usando. Isso é um exemplo de ruindade sem ter o avanço que temos hoje,mídia, informação…
Ele começa escrevendo porque escreveu Mishlei. Em resumo, a ordem é seguinte:
1) Para ensinar as pessoas;
2) As pessoas com conhecimento colocam em prática;
3) Depois ensinam outras pessoas;
4) Aprofundam o conhecimento
Shequer em hebraico é mentira e tem as letras próximas.
Emet tem as letras distantes e significa verdade.
Isso porque a verdade está mais longe de nós enquanto convivemos com a mentira.
A primeira sabedoria que existe é Irat Hashem(temor a Dús). A pessoa pode ser extraordinariamente inteligente, se não tem Irat Hashem, em algum momento da vida(frustração, decepção,tristeza…) vai desabar,se afundar.

Reflexões em dia de desânimo – B”H temos Torá

Sabe aquele dia que parece que não foi feito para você? Acho se não tivesse a Torá para me fortalecer e acreditar que tudo é Min Hashamaim e que eu precisava passar por isso ou Kapará poderia ter acontecido tudo pior, estaria dessa forma. Mas confesso que hoje foi um dia de reflexões e desânimos.
Ontem a Graça me chamou para conversar para pedir um aumento do salário.Ok ela é boa, ajuda bastante, o salário não é dos melhores,mas ainda não completou 1 ano que está conosco enfim já estava com isso na cabeça.
Hoje chamei a Michelle que trabalha conosco no escritório para conversarmos sobre o ajuste que ela propôs de salário em função de ter subido de cargo, substituindo o que a Judith fazia. Propus algo similar ao aumento que ela mandou no e-mail, auxilio em cursos para não termos encargos de férias,13 e tributos. Pois bem, ela veio com um discurso um tanto quanto maluco dizendo que entrou em faculdades públicas em excelentes colocações daqui, dali e que tem muita capacidade, trabalha por hobby e que passou em um concurso público que prestou na brincadeira e que pretende estudar p/cargos públicos que ganharia muito mais,trabalhando no mole. Ainda com um papinho de que no ano que vem tem planos de adotar um filho(e eu com isso?)E que quer ter uma visão de futuro.Ou seja, depois que esperamos 1 mês de licença dela porque a mãe operou ela vem com esse papo e de novo estamos sem ninguém para fazer os fluxos e relatórios de investidores e que continuarei super sobrecarregada, desânimo total:(((
Mas sempre transpareço estar bem para as pessoas, não por falsidade mas para ver se me contagia a mudar de idéia.
Ainda fui na dentista das crianças que é minha amiga, pensei que não fosse cobrar, me cobrou R$700,00, fiquei super sem graça por ser amiga de pedir mais desconto, roubada total!
Coisas que estão relacionadas à $ me deixam assim, está tão errado isso pela Torá, eu sei, tudo é Min Hashamaim, PRECISO MUITO TRABALHAR ESSA MIDÁ EM MIM. Mês de Elul precisamos refletir é quando Hashem decreta tudo inclusive se teremos ou não Parnassá no ano seguinte.
Até cheguei a discutir com o Rony essa questão da Michelle e mais uma vez disse que no momento de ira que não trabalharia mais com ele.
Não sei se tem medo de ter que controlar tudo que faço hoje e poupo muito do tempo dele ou porque é meu marido e tem que me aturar hehe
Enfim como sempre ele me conforta que nossa situação está melhorando e é otimista que os negócios estão vingando agora e que vamos cobrir aquela maldita conta vermelha causadora das minhas arritmias e que resolveremos com a Michelle que deve ter sido um mal entendido. Eh otimismo dele!!

PAPEL DA MULHER JUDIA NO SÉCULO XXI

DIA 04/08 – Family Day(Evento que organizei da sinagoga)
SHIUR R.ARI

Nunca esteve tão difícil de educar os filhos. Com tanta tecnologia,internet, informações, Ipad… As crianças estão confusas e os pais mais ainda.
No passado, as mães não trabalhavam fora de casa; cuidavam da casa, do marido e dos filhos, intensamente. De 50 anos pra cá não só as mulheres trabalham como muitas sustentam a casa.
Chegam cansadas do trabalho, não têm tempo nem paciência para se dedicar para fase mais importante da criança em desenvolvimento. A Torá é baseada no tripé: Torá, Avodá e Guimilut Chassadim. Antes o homem estudava Torá e trabalhava e ambos cuidavam da educação dos filhos. Hoje o homem estuda Torá, a mulher trabalha e nenhum dos dois têm conseguido educar direito os filhos. É um problema atual que acomete muitas famílias inclusive religiosas. Proibir internet é complicado (e eu particularmente sou muito contra),mas é preciso fazer um bom filtro. Não existe conquista sem esforço, tudo tem um preço e pra ter os filhos com Torá e educa-los a ter boas midót, fazer chessed, cumprir mitzvót, serem talmid chacham, esse é o preço se fechar um pouco e filtrar o que a tecnologia oferece.
Facebook é EXATAMENTE o oposto do que está escrito na Torá. As pessoas precisam ter recato em casa, não mostrarem o que se passa no interior dos lares, entre os casais, filhos… Um bisbilhotar a vida do outro e entrar nessa intimidade é exatamente o oposto do que está na Torá.
Ele conta uma história real de um cientista que trabalha com espaço aéreo e que uma vez um religioso compareceu em uma conferência com vários cientistas e avistou ele de kipá. A pessoa foi até ele e perguntou como era ser religioso e guardar shabat… nesse meio de tantos cientistas ateus. Ele contou que quando ele era pequeno, eram em 8 irmãos e o pai ficou desempregado. Aos poucos não tinham mais o que comer em casa, e não conseguiam mais pagar o aluguel de onde moravam foram expulsos e estavam lá uma família com 10 pessoas morando na rua sem nenhuma perspectiva da próxima refeição. O pai foi atrás de algo para conseguir comprar comida p/ janta deles e às 17:00hs. Estava com esse filho. Parou para rezar Minchá e ele(o filho) ficou muito enfurecido de raiva: “ Pai, como você pode parar no meio do dia para rezar se não temos nem o que comer?” O pai responde: “ Filho, não importa a situação que esteja como judeus temos nossas obrigações e agora é hora de Minchá e vou rezar”. O filho ficou impressionado com essa emuná e respondeu à esse religioso que com esse exemplo ele conseguiu seguir a profissão dele e ultrapassar todas as dificuldades, cumprindo a missão dele como judeu.

WORKSHOP DE MAQUIAGEM

DIA 04/08/13 – Family Day (Evento que organizei da sinagoga)
By Lilian Glycas Goldstein

Passo-a-passo
ORDEM: LIMPEZA DA PELE-CORRETIVO-BASE-PÓ-SOMBRA-LÁPIS- SOMBRA P/ ESFUMAÇAR-ILUMINADOR-BLUSH-BATON
1) Limpar bem a pele – antes de começar qualquer maquiagem, a pele precisa estar bem limpa com sabonete facial e depois um tônico;
2) Primers – ela comentou,mas não ouvi direito(o Eiby me desviou);
3) BB Cream – base 8 em 1 recomendável para usar durante o dia. Acha em farmácias, à noite já não é muito indicada;
4) Corretivo – líquido é melhor para quem tem mais rugas, preferível. Pode passar com a mão ou com pncel(dura mais). Nunca passar como creme espalhando, sempre dar batidinhas;
5) Base – também melhor liquida. Começa pela testa para não esquecer de nenhum lugar, passa com pincel;
6) Pó – tem compacto(mais fácil de aplicar) ou pó solto( dá um aspecto mais natural). O pó natural tem com tons de pele ou branco que é translúcido. Quando aplicar no pincel, tira antes um pouco do excesso;
7) Sombra
Tons frios – azul, prata, roxo
Tons quentes – vermelho, dourado, verde
Tons neutros – marron, preto
Não precisa necessariamente passar o mesmo tom da roupa, só precisa ser do mesmo grupo de tons, por exemplo, roupa verde pode usar vermelho…(eu não gosto de misturar)
Passar a sombra até a dobrinha da pálpebra (onde termina a parte côncava), não pode passar p/ baixo nem p/ cima, até a diagonal
8) Lápis – o melhor é cajal(cremoso) – passa embaixo do olho, em cima e no canto dos olhos um pouco para esfumaçar com a sombra depois.
Pode passar sombra escura que contorna a “raiz” do cílio de baixo.
• Sombra branca ou iluminador para o canto dos olhos e acima do blush, no “ C” abaixo do olho (fica lindo). Pode ser beje ou outra cor clarinha, branco melhor não pode ficar cinza.
• Curvex – serve para deixar os cílios maiores ou mais para cima. Fazer movimentos de cortar com tesoura por 10-15 segundos, antes de passar o rímel.
9) Rimel – Várias marcas são boas: Lóreal, Sephora, Clinic(com para passar nos cílios de baixo pq é mais fino). Passa feito um zig zag. Se borrar, não tira na hora, espera sempre secar, termina tudo e por último tira o borrado com cotonete seco.
10) Blush – dá um sorriso e passa sobre o osso da maxila. Recomendou da Natura que tem vários tons, ela misturou todos.
• Para fazer correção de formatos, precisa ser blush marron, para afinar o rosto passar nas laterais, idem para afinar nariz, nas laterais do nariz.
• Para disfarçar – escuro. Para realçar- claro
• Pincel – grosso ou chanfrado,mas grosso é melhor. Para quem se maqueia bastante, é bom lavar 1 vez por mês com agua morna e 1 gota de shampoo ou sabonete líquido deixar secar ao natural co os pelos para baixo.
11) Baton – Make up Forever/Mac. Pode passer com pincel o baton. Recomendou da Mac de longa duração, começa pelo centro para delinear. O Gloss tem que ser do mesmo tom e não passar até o final dos lábios para não ficar melequento.

FÉRIAS ESCOLARES – TRAGÉDIA & ALEGRIA!!

Dia 29/07/2013 – Penúltimo dia de férias para tristeza deles(lembro desse finalzinho de férias parecia que estávamos raspando os restos de brigadeiro da panela para aproveitar cada segundo) e para meu sossego e de todas as mães que estão passando por essa fase.
Por um lado adoro férias, durmo tarde sem consciência, posso acordar na hora que eles acordarem. Baruch Hashem eles dormem mais que a média e agora que está frio e dormem tarde tem dias antes das 10:00hs. Não parece que tem crianças em casa, uma delícia.
Mas por outro lado, sempre tenho coisas a fazer no escritório e conciliar meu tempo com eles que delego pouquíssimo e não conto com ajuda (para as crianças) parece uma tarefa quase impossível. Hoje enquanto eles tomavam café, me tranquei no banheiro para falar com um investidor que me ligou para não ouvir voz de criança, loucura! E cada dia um dia, sem planos para não me estressar,mas em geral, fico com ele de manhã, faço algum programa e à tarde aproveito que o Eiby dorme, o Benny brinca sozinho e a Sarah vem comigo por 2 horas pro escritório. A sensação que tenho é que vou por faixada para mostrar aos funcionários que estou indo, resolvo pouquíssimas coisas, apesar de chegar como um furacão com uma lista enorme voando para ticar tudo. Contratos, planilhas, coisas mais elaboradas que requerem mais raciocínio esquece, porque também tem a Sarah interrompendo para pedir mais folha para desenhar ou pra trocar o DVD.
É uma delícia férias, mas ufa que amanhã é o último dia. Já foram quase 2 semanas de programações diárias, 10 dias de viagem, 1 semana de colônia de férias e sobraram esses 2 dias eteeernos 
O Eiby conviveu muito com os irmãos e acabou ficando genioso, mandão e decidido(puxou um pouco o jeito da Sarah,mais determinado). Ele apareceu na cozinha com uma cara super feliz e aquela vozinha de rima: “ Eu quero bala, eu quero bala…” Nessas horas que vontade de entregar um pacote de bala, esperar ele abrir e ver aquele sorriso continuar no rosto! Mas com esse assunto de doce que costumo” tentar” concentrar só no Shabat e em festinhas (que já são muitas) sou firme. Nesses assuntos e em outros que temos que manter a seriedade e passar confiança no que estamos dizendo que é o que ficará para educação, eles precisam ter ordem, é assim que acerta as arestas e lapida a jóia. Óbvio que é mais difícil de dizer NÃO e enfrentar aquela carinha, birra, chatice por algum tempo que muitas vezes pode durar, mas como tudo é pura questão de hábito. E cabe à nós mães saber driblar essa situação. Procuro educa-los com muita alegria, são essas imagens que quero deixar guardadas com eles. Coloquei uma teara de orelha de coelhinho na cabeça e pronto, assim já descontrai tudo!
Boa noite!